FacebookYoutubeRSSPartilhar

Brama dos Veados e Birdwatching

Brama 25 09 15 3  3  1 510 999
29 Setembro 2015

As comemorações do dia mundial do turismo no passado dia 27 de setembro foram o mote para a realização de duas atividades na Rota da Terra Fria Transmontana.


A primeira decorreu no dia 19 de setembro e teve como atrativo o Birdwatching na área do Parque do Douro Internacional, concretamente em Miranda do Douro e nas aldeias de Picote e Freixiosa. Começou cedo a atividade, pouco passava das 7 horas da manhã e já estava o grupo a contemplar o nascer do sol no miradouro da Concatedral de Miranda do Douro e a observar as primeiras aves madrugadoras. Sempre com o rio Douro por perto continuámos o périplo para observar as aves majestosas existentes por estas bandas. O Grifo, a Gralha-de-bico-vermelho, a Garça-real a Águia-calçada, Águia-de-asa-redonda, Corvo, Gralha-comum, Pato-real, o Andorinhão-real e vários passeriformes foram as espécies observadas e que deixaram todos os participantes, mesmo os que não sendo entusiastas de birdwatching, completamente deslumbrados.
Associado à observação das aves, a beleza e imponência das arribas do Douro em Picote e Freixiosa transportam-nos para um quadro perfeito, onde é possível observar as aves em pleno voo de uma perspetiva rara, de cima para baixo. As aves, a envolvente, e a forma única de as observar fazem desta região um destino obrigatório para todos os amantes do Birdwatching.


No dia 26 de setembro decorreu a atividade da Brama dos Veados e Birdwatching no Parque Natural de Montesinho, com um grupo de participantes exclusivamente de fora da região, havendo, aliás, dois participantes Holandeses.
Pelas 7 horas da manhã saímos do centro de Bragança em direção ao Parque Natural de Montesinho, após passarmos a aldeia de Deilão fizemos uma breve paragem. Aí começamos a ouvir os bramidos dos veados, mas não conseguimos ver nenhum, instalando-se algum receio entre os participantes que já não conseguiríamos observar nenhum. Porém, após alguns quilómetros, fizemos nova paragem na berma da estrada e a alegria e estupefação tomou conta das faces dos participantes quando começámos a observar um e depois outro e depois vários veados com as fêmeas sempre por perto.
Isto é a natureza no seu melhor! Aliada à observação destes animais majestosos, ouvir os constantes bramidos provenientes de vários animais em sítios diferentes, mais ou menos próximos, parece uma sinfonia.
Nesta época os machos competem pelas fêmeas, medindo visualmente a sua força e porte pela forma e tamanho das galhadas, bem como emitindo altos bramidos que atraem as fêmeas e servem para intimidar os rivais - o que faz com que a época de reprodução seja conhecida por “Brama”.
Mas nem só de observação de veados se fez esta manhã, também houve oportunidade de observar várias aves que fazem do Parque Natural de Montesinho a sua casa. A Águia-de-asa-redonda, Grifos (mais de 20), Tartaranhão-cinzento, Picanço-real, Peto-real e Chasco-cinzento foram as espécies observadas.

Ambas as atividades são experiências que podem ser feitas nas Escapadinhas da Rota, o birdwatching pode ser realizado durante todo o ano, já a Brama dos Veados está cingida à Escapadinha de Outono, concretamente de meados de setembro até início de novembro.

As fotografias das atividades podem ser vistas na galeria de imagens

Também poderá ver os vídeos: