FacebookYoutubeRSSPartilhar

Festa de Reis de Salsas reuniu mascarados portugueses e espanhóis

Caretos salsas 1 510 999
04 Janeiro 2016

Em Salsas, concelho de Bragança foi altura de saírem à rua os caretos. Grupos de Portugal e Espanha juntaram-se para mais uma celebração da festa dos reis na aldeia.

Este fim-de-semana, os mascarados percorreram a freguesia à procura do fumeiro e a chocalhar quem encontravam. Vestindo um fato de lã colorido e abanando os chocalhos, os jovens mantém a tradição da festa dos reis de Salsas, que os mais velhos da aldeia sempre se recordam de ver.

Luzia da Assunção tem 93 anos e conta que “as raparigas são chocalhadas mas fogem porque têm medo. No dia de Reis era uma missa, antes disso entravam às casas todas, e no dia 6 tinham de lhe dar a esmola”. Anselmo dos Santos recorda também os tempos em que se vestia de careto e “invadia as casas. “Fazíamos a nossa festa, brincávamos com as raparigas, com as pessoas.”

No tempo de Reis a gente fazia a arrematação”, lembra. Hoje em dia a tradição ancestral é recriada, e ganhou expressão. O presidente da junta, Pedro Zoio, salienta a importância de preservar a identidade cultural distinta da aldeia. “É muito importante preservar este tipo de tradições que remontam há muitos anos, que é aquilo que nos demarca das diferentes culturas. No nosso caso os caretos são a nossa imagem e como tal queremos divulgar esta iniciativa”, frisa o responsável autárquico. No dia do desfile, este sábado, caretos e gaiteiros percorreram as ruas da aldeia. Ao fim da tarde foi a altura de queimar um careto gigante, que simboliza o ano velho.

Fonte: Rádio Brigantia.

Link: http://www.brigantia.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=14928&Itemid=43